| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

CEDETRAN: Portal do Trânsito do Paraná
Desde: 20/02/2010      Publicadas: 228      Atualização: 19/10/2017

Capa |  Acidentes  |  Caminhoneiros  |  Campanhas de Transito  |  Crime ou Dolo  |  Guia do Transito  |  Leis do Trânsito  |  Noticias Recentes


 Noticias Recentes

  19/08/2015
  0 comentário(s)


699 motoristas que tinham telefones celulares e foram responsáveis por acidentes com perdas materiais relativamente graves

A pesquisa, que durou 14 meses, foi realizada com 699 motoristas que tinham telefones celulares e foram responsáveis por acidentes com perdas materiais relativamente graves, porém sem acidentes pessoais. O resultado demonstrou que o número de acident es acontecidos durante ou imediatamentepós uma conversa ao telefonea foi mais de quatro vezes maior do que o esperado na direção normal de veículos, bem como, motoristas mais jovens têm maior tendência a problemas, nessa situação, do que os mais velhos.

699 motoristas que tinham telefones celulares e foram responsáveis por acidentes com perdas materiais relativamente gravesOs estudos sobre as conseqüências do uso do aparelho celular no trânsito ainda são bastante incomuns, porém já determinam que este uso aumenta em quatro vezes o risco do condutor sofrer acidentes, como é apresentado no estudo realizado no Canadá.

A pesquisa, que durou 14 meses, foi realizada com 699 motoristas que tinham telefones celulares e foram responsáveis por acidentes com perdas materiais relativamente graves, porém sem acidentes pessoais. O resultado demonstrou que o número de acident es acontecidos durante ou imediatamentepós uma conversa ao telefonea foi mais de quatro vezes maior do que o esperado na direção normal de veículos, bem como, motoristas mais jovens têm maior tendência a problemas, nessa situação, do que os mais velhos.

Foi comprovado, também, que os condutores utilizando-se de aparelho de viva -voz, correm o mesmo risco de sofrer acidentes do que aqueles que seguram o aparelho enquanto dirigem. A questão perpassa pela limitação sobre o que você pode fazer com seu cérebro, ou seja, alterações de atenção, controle das emoções, raciocínio, entre outras reações que são percebidas quando falamos ao telefone. Esta visão contraria a suposição de que o viva-voz não interferiria na direção por não necessitar de esforço motor.

A conversação no telefone é bem diferente que a realizada com o passageiro, pois este funciona até mesmo como um auxílio para percepção de algumas situações na via. O passageiro coopera com o condutor mostrando melhores saídas, apontando algum desleixo do condutor, chamando atenção para perigos que possam surgir, já que a própria vida está condicionada a uma boa direção. A pessoa externa que conversa com o condutor através do aparelho celular não sabe o que está acontecendo no trânsito, transmite uma série de emoções e sentimentos que podem prejudicar a condução. Neste momento, o condutor desliga o celular e fica idealizando tudo o que conversou, sem ter ninguém para lhe confortar, podendo causar acidente até após desligar o telefone como reação do que acabou de saber. Pensemos, por exemplo, numa conversa onde o condutor fica sabendo que sua mãe está muito doente. Ele corre em disparada para atendê-la. Daí ele infrige o sinal vermelho, dirige em alta velocidade, não observa as placas de sinalização, entre outras situações de risco. Se a notícia fosse dada por um passageiro, por exemplo, este confortaria o condutor através de uma conversa sensata e apontaria para os erros cometidos no trânsito, que afetaria duas vidas além do desfalecimento da mãe.

O estudo apresentado pelo Prof. José Aparecido da Silva considera análises epidemiológicas, apontado que o uso do aparelho celular aumenta o risco dos motoristas se envolverem em colisões de trânsito. Neste contexto, foram somadas as relações, entre a quantidade de tempo dispensada mensalmente no celular e os diferentes fatores que distraem a atenção dos motoristas, cuidadosamente examinadas através de análises de cruzamentos de casos e de técnicas de regressão logística. Utilizou-se mais de 200.000 acidentes de trânsito compreendendo o período de 1992 a 1995. Ao acrescentarmos o uso do celular com as variáveis, como idade, sexo, uso de álcool, velocidade, distratores e dirigindo à esquerda do centro da pista, as análises mostraram que o risco de se envolver em colisões fatais foi aproximadamente nove vezes maior. Quando apenas a variável uso do telefone celular foi considerada, este risco dobrou.

Como resultado, os dados epidemiológicos não revelam nenhuma vantagem em termos de segurança no trânsito entre o uso de aparelhos viva-voz e aparelhos manuais.

A Associação Brasileira de Medicina de Tráfego-ABRAMET considera no seu estudo fatores operacionais destacando o ato de pegar o telefone no bolso ou em qualquer lugar como já prejudicial no desvio da atenção do motorista no trânsito. Os fatores motores, já representam um risco no uso do aparelho celular, acrescentam-se mais recentemente, inclusive neste estudo, os fatores psicológicos e cognitivos dispensados neste uso, já reconhecendo o desvio de atenção na utilização do aparelho viva- voz.
Como podemos perceber neste último gráfico, entre todas as ações, a discagem do número, requer maior tempo, afetando na distração do condutor. O ritual começa desde a procura do aparelho até depois da conversa. Dependendo do assunto tratado na mesma, o condutor pode ter várias reações que irão refletir na segurança e responsabilidade da direção.

Entre as reações comportamentais possíveis e previsíveis relacionadas ao uso do celular pelo condutor do veículo no trânsito, podemos destacar a descarga emocional que acompanha o conteúdo do assunto explorado no momento da conversa como, por exemplo, o choro, a agressividade, o aumento da irritação e da tensão interna, a euforia e o entusiasmo. Algumas dessas descargas podem vir somadas ao fator espontâneo e alheio à vontade do condutor, desde que sejam advindas do Sistema Nervoso Autônomo, levando-o a atitudes impulsivas.

A sensação de impotência, frente ao desconhecimento da notícia recebida através do aparelho celular, pode evocar no condutor um quadro de extrema angústia perante a impossibilidade de tomada de decisão momentânea.

Aliados às reações supra citadas têm-se o nível de stress do dia-a-dia no tráfego, na vida pessoal e no trabalho do condutor que podem intensificar o risco de acidente no trânsito.
Apesar da existência de poucos estudos sobre o uso do aparelho celular, os que já foram realizados alertam para o risco por ele causado, ressaltando não somente o abandono de uma das mãos, que influi na limitação motora do condutor, mas também pela perda de atenção no trânsito.


Alguns países têm restringido o uso do aparelho celular no trânsito visando a direção com segurança, cuidadosa e hábil, não tendo nenhuma ferramenta que desvie a atenção do condutor e permita a execução de manobras que não ocasionem colisões. Por exemplo, Austrália, Espanha, Portugal, Itália, Chile, Suíça, Israel, Grã-Bretanha, Dinamarca, Polônia, Hong Kong e o Brasil, têm elaborado normas ou leis proibindo o uso de celulares no trânsito.

Nos EUA, a polícia acredita que 30% das batidas são causadas por distrações dos motoristas que incluem dispositivos de comunicação móveis.Na Inglaterra, o governo está quase aprovando uma lei para banir a utilização do celular no trânsito, sem fone ou viva-voz. A Suíça e a Argentina, que ainda permitem o uso do aparelho de viva-voz, já estão pensando em proibi-lo. No caso do primeiro, é conseqüência da lei britânica que também está sendo debatida em outros países da Europa, no caso do segundo, a questão é que a legislação não menciona o aparelho viva-voz, por se tratar de tecnologia mais recente.
  Autor:   abetran


  Mais notícias da seção Geral no caderno Noticias Recentes
28/07/2017 - Geral - CNH digital começará a valer a partir de fevereiro de 2018
A versão digital terá o mesmo valor da impressa, a de papel continuará sendo emitida e usada normalmente...
17/03/2017 - Geral - Paraná suspende 273 motoristas por dia por infrações de trânsito
nova regra determina que o condutor suspenso deve ficar pelo menos seis meses. O prazo máximo de suspensão para quem acumula 20 pontos ou mais continua sendo de 1 ano....
13/11/2016 - Geral - Noivo tem presentes de casamento confiscados por dever indenização de acidente de Trânsito
O noivo foi responsável por um acidente de trânsito com morte e a Justiça não conseguia fazer com que ele pagasse a indenização de R$ 1 milhão para a família da vítima porque não tinha bens em nome dele....
13/11/2016 - Geral - C.FED " Comissão aprova desvinculação de dívida de IPVA de carro que vai a leilão
Na prática, o projeto estabelece que quando, por exemplo, um automóvel apreendido for a leilão, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) devido pelo antigo proprietário não deverá ser cobrado do comprador...
23/09/2016 - Geral - Mudança na Lei aumentará tempo de suspensão da CNH
Com o advento da Lei 13.281/16, de maio deste ano, cuja vigência terá plena aplicação a partir de 1º de novembro de 2016, muitas alterações ocorrerão na legislação de trânsito brasileira. ...
21/09/2016 - Geral - A cada minuto dois motoristas são flagrados acima da velocidade no Paraná
"Estudos da Organização Mundial da Saúde mostram que, quando se ultrapassa em apenas 1% o limite de velocidade em uma via, os riscos médios sobem 3% e o perigo de morte cresce até 5%. ...
06/05/2016 - Geral - Multas de trânsito terão alta de até 66%; usar celular será infração gravíssima
A Lei 13281/16 publicada ontem no Diário Oficial trouxe várias mudanças no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre elas está o reajuste das multas por infrações de trânsito...
06/05/2016 - Geral - A partir de novembro, as multas de trânsito serão reajustadas em até 66%
A gravíssima - como falar ao celular - subirá 53%, de R$ 191,54 para R$ 293,47. ...
15/04/2016 - Geral - Pequenas reduções de velocidade diminuem de forma significativa as mortes no trânsito.
Entre os pedestres, foram 136 mortes a menos no período de dezembro de 2014 até dezembro de 2015 " de 555 óbitos para 419 ", em uma redução de 24,5%. A queda nas ocorrências fatais envolvendo motoristas e passageiros foi de 16,9%: 172 mortes em 2015, ante 207 casos em 2014....
15/04/2016 - Geral - Senado aprova penas mais rigorosas para infrações do Código de Trânsito
A proposta cria uma nova infração de trânsito: "usar o veículo para interromper, restringir ou perturbar a circulação na via". A multa será de 20 vezes o valor previsto em lei (R$ 3.830,80)Arquivo Agência Brasil ...
06/03/2016 - Geral - Contran adia a exigência de habilitação para pilotar ciclomotores
A Deliberação 147/16 prorrogou para 31 de maio de 2016 o prazo para que condutores sejam habilitados na categoria A ou ACC ...
06/03/2016 - Geral - Exame toxicológico: só para profissionais?
Os motoristas profissionais de transportes de carga e transporte coletivo com Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias C, D e E devem passar por um exame toxicológico para detecção de consumo de substâncias psicoativas para a emissão e renovação da CNH, na pré-admissão e no desligamento de motoristas profissionais....
22/02/2016 - Geral - Radares: educação ou punição?
A discussão a respeito do uso de radares como redutores de infrações no trânsito é alvo de inúmeras discussões, isso por que para alguns esse é um equipamento usado como arrecadação de dinheiro e para outros é um método eficiente no combate às infrações....
06/12/2015 - Geral - Álcool, Direção, Perdas, Dor e Revolta
Para algumas famílias, além da dor e saudade, fica também a revolta e sede de justiça.Outras famílias buscam forças para superar o trauma, cuidando dos órfãos ou fazendo campanhas a fim de prevenir novas tragédias muitas delas até não creem mais na Justiça....
06/12/2016 - Geral - CEDETRAN ESCLARECE DUVIDAS SOBRE MULTAS
As notificações não têm de ser emitidas em até 30 dias depois da infração?Por que as multas não vão para o infrator e sim para o proprietário?O guarda não deveria antes advertir e só depois multar?...
14/06/2015 - Geral - Videomonitoramento reduz em 50% número de mortes na região de Londrina
Em quatro meses, fiscalização por câmeras no trecho da BR-369 entre Ibiporã e Arapongas também fez diminuir o número de acidentes em mais de 30%, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal,Um único agente de Londrina aplicou, em um mês, mais de 1.890 multas, monitorando um trecho de 250 quilômetros."...
25/05/2015 - Geral - Ortopedistas discutem impacto social causado por acidente de moto
"Acidente de Moto: Trauma Ortopédico " Impacto Social". O evento, promovido pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT-PA) em outubro, avalia a gravidade do traumatismo causado por este tipo de acidente, que tem superlotado os hospitais da rede pública de saúde....
25/05/2015 - Geral - Mais de 100 mil inválidos em 3 meses
Invalidez... Dá para imaginar o que é ficar inválido e com graves sequelas permanentes quando se tem a vida inteira pela frente? E o mais lamentável é que, em geral, estes acidentes poderiam ser evitados se a imprudência não fosse a regra.Sofrimento para a família, sofrimento para os próprios jovens e consequências desastrosas para a sociedade como...
12/05/2015 - Geral - Detran alerta os caminhoneiros sobre segurança no trânsito
De janeiro de 2014 até o primeiro trimestre de 2015, 430 caminhoneiros morreram e 3.109 ficaram feridos em acidentes de trânsito nas rodovias federais e estaduais que cortam o Paraná. De acordo com levantamento do Departamento de Trânsito do Estado (Detran), foram 10.726 ocorrências causadas principalmente por imprudência, cansaço e consumo de subs...
12/05/2015 - Geral - Dicas para quem quer passar no exame prático de CNH
De acordo com dados do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), em 2014, 53,86% das pessoas que tentaram tirar a carteira na categoria B (automóvel, caminhonete, camioneta, utilitário) e 35,15% na categoria A (motocicleta, ciclomotor, motoneta ou triciclo) no Estado acabaram reprovando....
12/05/2015 - Geral - Maio amarelo: Evento é marcado por palestras de trânsito para jovens
Ações têm sido realizadas por parte de pessoas que, preocupadas com a conscientização e com a emergência de atitudes para a redução de vítimas jovens de trânsito, buscam de alguma forma, melhorar essa realidade....
12/05/2015 - Geral - 10 razões para o motociclista fazer um curso de pilotagem defensiva
Muitos órgãos estão disponibilizando esse conteúdo devido ao alto número de acidentes envolvendo motocicletas nos municípios brasileiros. "Quando analisamos as estatísticas de acidentes envolvendo motos, os números são impressionantes. Apesar de representar apenas 27% da frota nacional, as motos estiveram envolvidas em sete de cada dez acidentes in...
19/04/2015 - Geral - Maus hábitos que podem render multa ao motorista
Alguns motoristas desenvolvem maus hábitos ao volante que podem render multas de trânsito. "O ato de dirigir às vezes torna-se tão automático, que sem perceber, o condutor está desrespeitando as leis e até colocando em risco a sua própria segurança", alerta Celso Alves Mariano, especialista em trânsito e diretor da Tecnodata Educacional....
19/04/2015 - Geral - Alerta: maioria dos passageiros descarta o cinto no banco traseiro
Quem não utiliza o acessório de segurança comete uma infração grave que rende multa de R$ 127,69 ...
19/04/2015 - Geral - Nova Lei dos Caminhoneiros entra em vigor
Foi publicado no DOU (Diário Oficial da União), de sexta-feira (17), o decreto que regulamenta a Lei 13.103/2015, chamada Lei dos Caminhoneiros, que alterou normas sobre a atividade dos motoristas profissionais. ...
05/03/2015 - Geral - Cresce número de motoristas com habilitação suspensa no Paraná
Do total de motoristas suspensos por 20 pontos, em 2014, 52% têm 40 anos ou mais. Os homens representam 74% e as mulheres 26%. Foram 334.890 infrações emitidas, média de 5,9 por condutor suspenso, sendo que estacionar em desacordo com a regulamentação (16%), avançar o sinal vermelho (8%), deixar de usar o cinto de segurança (5%) e não realizar o co...
05/03/2015 - Geral - Novas regras para Primeira Habilitação entram em vigor março
A resolução do Contran estabelece nova carga horária mínima para a categoria B (carros e veículos comerciais leves) e a realização de aulas no período da noite. ...
15/02/2015 - Geral - Pedestres e passageiros envolvidos em acidentes têm direito ao DPVAT
Os valores das indenizações são de R$ 13.500,00 para morte, até R$ 13.500,00 para invalidez e de até R$ 2.700,00 para despesas médico-hospitalares. O pedido pode ser feito em até 3 anos a contar da data do acidente....
08/01/2015 - Geral - Paraná atinge marca de 1,5 milhão de processos online no Detran Fácil
Fácil permite fazer emissão definitiva da Carteira da Nacional de Habilitação (CNH); segunda via da CNH; Permissão Internacional para Dirigir; Renovação da CNH; Segunda via do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV); Agenda de Curso de Reciclagem; Mudança de Endereço; e Defesa de suspensão e cassação de CNH; e defesa de infrações...
06/01/2015 - Geral - Rigor reduz acidentes e mortes nas estradas do PR
No primeiro fim de ano após a promulgação da lei que tornou mais dura as penas para ultrapassagens perigosas, a violência nas estradas federais e estaduais do Paraná diminuiu. Segundo dados das polícias, a quantidade de acidentes e feridos caiu 17% na comparação entre os períodos de Natal e Réveillon de 2014 e 2013. O total de mortos teve queda de ...



Capa |  Acidentes  |  Caminhoneiros  |  Campanhas de Transito  |  Crime ou Dolo  |  Guia do Transito  |  Leis do Trânsito  |  Noticias Recentes
Busca em

  
228 Notícias


Comentarios
 

Geral

 

Por que a lei seca salva 50 vidas por dia